Carregando...
JusBrasil - Notícias
25 de outubro de 2014

Tribunal de Justiça de São Paulo empossa quatro novos desembargadores

Publicado por Tribunal de Justiça de São Paulo (extraído pelo JusBrasil) - 5 anos atrás

LEIAM 0 NÃO LEIAM

Tomaram posse nesta quinta-feira (6/08) o 351º, 352º, 353º e 354º desembargadores do Tribunal de Justiça do Estado de São Paulo, Luiz Toloza Neto, José Joaquim dos Santos, Mario Carlos de Oliveira e Ruy Alberto Leme Cavalheiro.

A cerimônia – realizada no Salão do Júri do Palácio de Justiça – foi aberta pelo presidente do TJSP, desembargador Roberto Antonio Vallim Bellocchi. “É com muito orgulho que o Tribunal de Justiça abre suas portas para receber quatro magistrados com uma longa vida pública e que chegam ao topo dessa carreira que está injustiçada, mas que traz muito orgulho ao Brasil”, disse o presidente.

O desembargador Ademir de Carvalho Benedito foi o orador em nome do Tribunal. “Hoje é um dia festivo para o TJ. Recebemos de braços abertos quatro homens de grande conhecimento jurídico e que chegam ao topo da carreira. Todos passaram por comarcas do interior e vinham exercendo suas funções como juízes substitutos em 2º grau. Aqui na capital também se destacaram e são agora chamados para compor o Tribunal de Justiça”. “É no Poder Judiciário que deságuam as questões humanas mais difíceis. Tenho a honra de cumprimentar os novos desembargadores e seus familiares, não só pela posse, mas pela brilhante carreira que trilharam até o momento”, afirmou o orador.

Após as felicitações do presidente do Tribunal Regional Eleitoral, desembargador Março César Muller Valente, o desembargador Ruy Cavalheiro agradeceu a oportunidade de poder falar aos familiares e amigos dos colegas empossados, à sua família e amigos e aos servidores com quem trabalha. Destacou também seus antepassados e sua carreira jurídica, iniciada na advocacia.

Em seguida, falou o desembargador Mario Carlos de Oliveira. “Esta é uma hora de festa para minha alma. Todos os percalços que enfrentei foram superados com espírito de alegria e a alma jovial. Não fiz uma escolha de carreira, mas sim aceitei uma predestinação. Por onde passei, procurei balizar minha conduta de juiz de Direito com retidão. Sou um homem realizado e um juiz consciente de seu papel. Agradeço aos meus familiares, amigos e servidores. E agradeço a Deus pelo dom da vida, da saúde e da coragem, rogando para que Ele me faça um instrumento para a realização da justiça”, disse o magistrado.

Após fazer uma retrospectiva de sua carreira, o desembargador José Joaquim dos Santos comentou sobre a grata satisfação em ser empossado na gestão do presidente Vallim Bellocchi, com quem atuou no TRE, e a respeito da importância que a família exerce na vida do magistrado. “Reafirmo meu compromisso de honrar a toga rogando a Deus para que me mantenha com o fervor de um iniciante, e desejo o mesmo aos meus colegas empossados”, afirmou o desembargador José Joaquim.

O último a discursar foi o desembargador Luiz Toloza Neto: “A data de hoje tem nós um grande significado. Conquistamos o mais alto grau da profissão que escolhemos. A carreira da magistratura só me trouxe alegrias. Agradeço aos meus familiares e aos servidores da 3ª Vara do Júri da capital, os quais considero minha segunda família, e àqueles que hoje estão em meu gabinete. Que Deus continue nos protegendo e nos iluminando nessa nova e nobre missão”.

Ao encerrar a cerimônia, o presidente do Tribunal de Justiça, desembargador Roberto Vallim Bellocchi, disse que “será neste espaço iluminado que é o TJ que os novos desembargadores cumprirão suas tarefas. Aqui reside o prêmio pelas suas carreiras”.

Breves currículos

Luiz Toloza Neto nasceu no dia 24 de junho de 1952, na cidade de São Paulo, e colou grau na Faculdade de Direito da Universidade de São Paulo (USP), em 1976.

Iniciou carreira na magistratura como juiz substituto em 1º grau na 19ª Circunscrição Judiciária, com sede em Sorocaba, em 1984. No mesmo ano, foi removido para a 2ª Circunscrição Judiciária, com sede em São Bernardo do Campo, e promovido para o Foro Distrital de Guará, da comarca de Ituverava. Após passar pela comarca de Lorena, chegou à capital como juiz auxiliar em 1986 e à Entrância Especial em 1994, quando foi promovido para a 3ª Vara do Júri, com posterior remoção ao cargo de juiz substituto em 2º grau.

O desembargador José Joaquim dos Santos nasceu na cidade de Valparaíso, São Paulo, em 25 de setembro de 1952. Colou grau como bacharel em Direito pela Faculdade de Direito de Guarulhos em 1976 e começou a carreira de magistrado em 1984, nomeado para a 32ª Circunscrição Judiciária, com sede em Bauru. No ano seguinte, passou pelas comarcas de Teodoro Sampaio e Itapira.

Chegou à capital em 1986. Em 2004, José Joaquim foi removido para o cargo de juiz substituto em 2º grau. Prestou serviços ao Tribunal Regional Eleitoral de São Paulo por convocação.

Nascido em 23 de julho de 1947 em Campo Grande, Mato Grosso do Sul, Mario Carlos de Oliveira graduou-se em Direito pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo em 1977.

Iniciou carreira na magistratura como juiz auxiliar de investidura temporária em 1981. Como juiz substituto em 1º grau, no mesmo ano, atuou na Circunscrição Judiciária com sede em Pirassununga. Passou também pelas comarcas de Guariba, Vinhedo e Jundiaí até chegar à comarca da capital em 1995.

Em 2004, Mario de Oliveira foi removido ao cargo de juiz substituto em 2º grau.

Ruy Alberto Leme Cavalheiro nasceu no dia 18 de dezembro de 1949 em Presidente Venceslau, São Paulo, tendo colado grau em 1972 pela Faculdade de Direito de São Bernardo do Campo. Iniciou em 1985 sua carreira na magistratura, nomeado juiz substituto em 1º grau para a 27ª Circunscrição Judiciária, com sede em Presidente Prudente.

Antes de chegar a São Paulo, em 1987, passou pela 22ª Circunscrição Judiciária, com sede em Itapetininga, e pelas comarcas de Presidente Bernardes e Capão Bonito.

Ruy Cavalheiro foi removido ao cargo de juiz substituto em 2º grau no ano de 2004.

Tribunal de Justiça de São Paulo

Tribunal de Justiça de São Paulo

Tribunal de Justiça de São Paulo foi instalado no dia 3 de fevereiro de 1874, sendo denominado Tribunal da Relação de São Paulo e Paraná. Por se tratarem de províncias bastante inexpressivas, foram nomeados apenas sete desembargadores para integrar o Tribunal, que tinha a função de julgar todas . As...


0 Comentário

Faça um comentário construtivo abaixo e ganhe votos da comunidade!

Não use muitas letras maiúsculas, isso denota "gritar" ;)

ou

×

Fale agora com um Advogado

Oi. O JusBrasil pode te conectar com Advogados em qualquer cidade caso precise de alguma orientação ou correspondência jurídica.

Disponível em: http://tj-sp.jusbrasil.com.br/noticias/1645743/tribunal-de-justica-de-sao-paulo-empossa-quatro-novos-desembargadores