jusbrasil.com.br
27 de Maio de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Apelação: APL 7277065100 SP

Tribunal de Justiça de São Paulo
há 13 anos
Detalhes da Jurisprudência
Processo
APL 7277065100 SP
Órgão Julgador
37ª Câmaras de Direito Privado
Publicação
23/12/2008
Julgamento
26 de Novembro de 2008
Relator
Eduardo Almeida Prado Rocha de Siqueira
Documentos anexos
Inteiro TeorAPL_7277065100_SP_26.11.2008.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

APELAÇÃO - EMBARGOS DE TERCEIRO - BENS DE FAMÍLIA - BENS MÓVEIS.

Diante da identificação de que os bens em questão guarnecem a casa, possibilitando a moradia e uma condição mínima de dignidade ao Apelante e a seus familiares, restam os mesmos caracterizados como necessários para os padrões do homem médio, pois não guardam qualquer relação com suntuosidade ou luxo, devendo, portanto, ser considerados como bens de família. Penhora afastada por completo. SENTENÇA REFORMADA - RECURSO PROVIDO. .
Disponível em: https://tj-sp.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/2733447/apelacao-apl-7277065100-sp

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 20 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 439395 SP 2002/0063350-9

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 17 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 691729 SC 2004/0138403-8

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 31 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 584 SP 1989/0009799-7