jusbrasil.com.br
14 de Agosto de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Apelação: APL XXXXX-62.2013.8.26.0581 SP XXXXX-62.2013.8.26.0581

Tribunal de Justiça de São Paulo
há 6 anos

Detalhes da Jurisprudência

Processo

Órgão Julgador

12ª Câmara de Direito Privado

Publicação

Julgamento

Relator

Sandra Galhardo Esteves

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-SP_APL_30058036220138260581_9d47a.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

Cautelar de exibição de documentos. Obrigação da instituição de guardar e exibir os documentos pleiteados até o prazo prescricional da ação principal. A instituição tem a obrigação de guardar os documentos referentes às transações efetuadas por seus clientes por todo o período em que eles têm para propor a ação principal, bem como deve exibir os documentos comuns às partes, pois se trata de um direito previsto em lei. Aplicação do artigo 359 do código de processo civil. Impossibilidade. Busca e apreensão. Medida adequada. Os extratos são, evidentemente, documentos comuns às partes, logo, incide o disposto no artigo 358 do Código de Processo Civil, não podendo o Juiz admitir a recusa da exibição. A instituição financeira não demonstrou quaisquer das razões previstas no artigo 363 do Código de Processo Civil para não apresentar os documentos. Não pode o Douto Juízo "a quo" aplicar a penalidade do artigo 359 do Código de Processo Civil, quando não forem entregues os documentos requeridos. A medida adequada é a busca e apreensão. Multa cominatória. Impossibilidade. Inviável a aplicação de multa cominatória quando não houver exibição dos documentos requeridos, entendimento sedimentado pela Súmula 372 do STJ. Pedido de majoração de honorários advocatícios. Os honorários advocatícios devem ser fixados de acordo com o princípio da razoabilidade e de forma equitativa, para que seja remunerado de forma condigna o trabalho desenvolvido pelo patrono do autor, com fundamento no artigo 20, § 4º, do CPC. Prequestionamento. Matéria federal. Inviável retorcer os autos apenas para se dar enfoque às questões a luz dos dispositivos legais e do enquadramento jurídico que o réu imagina pertinente, porque foi suficiente a fundamentação para a solução dada com ostentação das teses jurídicas adotadas. Apelação parcialmente provida do autor e improvida a do réu.
Disponível em: https://tj-sp.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/414939696/apelacao-apl-30058036220138260581-sp-3005803-6220138260581

Informações relacionadas

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 13 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO REGIMENTAL NO AGRAVO DE INSTRUMENTO: AgRg no Ag XXXXX RS 2008/XXXXX-4

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 15 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp XXXXX RS 2006/XXXXX-0

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 13 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - AGRAVO REGIMENTAL NO AGRAVO DE INSTRUMENTO: AgRg no Ag XXXXX GO 2008/XXXXX-6