jusbrasil.com.br
27 de Junho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de São Paulo
há 4 anos

Detalhes da Jurisprudência

Órgão Julgador

26ª Câmara de Direito Privado

Publicação

04/07/2018

Julgamento

4 de Julho de 2018

Relator

Felipe Ferreira

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-SP__10017651820168260587_947de.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Inteiro Teor

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

Registro: 2018.0000500671

ACÓRDÃO

Vistos, relatados e discutidos estes autos de Apelação nº 1001765-18.2016.8.26.0587, da Comarca de São Sebastião, em que é apelante SEGURADORA LÍDER DOS CONSÓRCIOS DO SEGURO DPVAT S/A, é apelado GILMAR ALVES DE SOUSA (JUSTIÇA GRATUITA).

ACORDAM , em sessão permanente e virtual da 26ª Câmara de Direito Privado do Tribunal de Justiça de São Paulo, proferir a seguinte decisão: Deram provimento ao recurso. V. U. , de conformidade com o voto do relator, que integra este acórdão.

O julgamento teve a participação dos Desembargadores FELIPE FERREIRA (Presidente), ANTONIO NASCIMENTO E BONILHA FILHO.

São Paulo, 4 de julho de 2018.

Felipe Ferreira

Relator

Assinatura Eletrônica

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

Comarca: São Sebastião – 1ª Vara Cível

Apte : Seguradora Líder dos Consórcios do Seguro Dpvat S/A

Apdo : Gilmar Alves de Sousa

Juiz de 1º grau : André Quintela Alves Rodrigues

Distribuído (a) ao Relator Des. Felipe Ferreira em: 13/06/2018

VOTO Nº 42.020

EMENTA: SEGURO OBRIGATÓRIO. DPVAT. AÇÃO DE COBRANÇA. NÃO COMPARECIMENTO À PERÍCIA MÉDICA. Improcede o pedido formulado pelo autor, uma vez preclusa a prova necessária para o deslinde da questão, não realizada por culpa exclusiva do autor, que mesmo intimado, deixou de comparecer à perícia designada. Sentença de extinção afastada. Recurso provido para julgar a ação improcedente.

Trata-se de recurso de apelação contra respeitável sentença de fls. 134 que julgou o feito extinto sem resolução de mérito, nos termos do artigo 485, III, do CPC, condenando o autor ao pagamento das custas e honorários advocatícios, arbitrados no valor de R$ 1.000,00, observada a condição de beneficiário da gratuidade processual.

Interpostos embargos de declaração pela ré (fls.

135/138), foram estes rejeitados pela decisão de fls. 140.

Pleiteia a apelante a reforma do julgado alegando que não se trata de hipótese em que o feito deveria ser tido extinto sem julgamento de mérito. Afirma que a apelado foi instado a comparecer à perícia médica designada, deixando de cumprir com a determinação judicial sem qualquer justificativa plausível, restando preclusa a prova. Insiste que a perícia é prova imprescindível ao deslinde da causa, não sendo hipótese de extinção do feito sem resolução de mérito, mas de improcedência da pretensão formulada, pois o demandante não se desincumbiu de seu ônus probatório.

Sem contrarrazões, subiram os autos a esta Corte de Justiça.

É o relatório.

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

O recurso merece prosperar.

Respeitado o entendimento do magistrado sentenciante, é o caso de se reconhecer que apesar de cientificado da perícia que seria realizada deixou o autor de comparecer ao ato designado, descumprindo com o seu dever de atender à determinação judicial, sem qualquer justificativa.

E, sendo a prova pericial designada imprescindível para a resolução da controvérsia, e, evidenciada está a sucumbência da parte que deu causa ao descumprimento da medida.

Nestes termos, se o autor não compareceu à perícia designada, por sua própria negligência, deixando de justificar sua ausência, deve ser reconhecida a preclusão da prova que requereu.

Portanto, sem a realização da perícia, não restou comprovada a invalidez permanente, bem como o grau de invalidez, e tal comprovação era essencial para a procedência do feito.

Sobre o tema, preleciona VICENTE GRECO FILHO (“Direito Processual Civil Brasileiro, 2º vol., 11ª edição, Ed. Saraiva, p. 204) que:

“O autor, na inicial, afirma certos fatos porque deles pretende

determinada consequência de direito; esses são os fatos

constitutivos que lhe incumbe provar sob pena de perder a

demanda.”

“A dúvida ou insuficiência de prova quanto a fato constitutivo

milita contra o autor.”

“O juiz julgará o pedido improcedente se o autor não provar

suficientemente o fato constitutivo de seu direito.”

Este é o ensinamento do eminente NELSON NERY JÚNIOR (in "Código de Processo Civil Comentado e legislação extravagante, 9ª ed., RT., p. 530/531), nos seguintes termos:

"Ônus de provar. A palavra vem do latim, ônus, que significa

carga, fardo, peso, gravame. Não existe obrigação que

corresponda ao descumprimento do ônus. O não atendimento

do ônus de provar coloca a parte em desvantajosa posição para

PODER JUDICIÁRIO

TRIBUNAL DE JUSTIÇA DO ESTADO DE SÃO PAULO

a obtenção do ganho de causa. A produção probatória, no

tempo e na forma prescrita em lei, é ônus da condição de

parte".

Portanto, se o demandante não faz prova boa e cabal do fato constitutivo do seu direito a ação improcede, conforme dispõe o artigo 373, I, do Código de Processo Civil.

Ante o exposto, dou provimento ao recurso para afastar o decreto de extinção e julgar improcedente o pedido, nos termos do artigo 487, I, do CPC, mantida a condenação ao pagamento das custas, despesas processuais e honorários advocatícios, com a observação da condição de beneficiário da gratuidade processual.

FELIPE FERREIRA

Relator

Assinatura Eletrônica

Disponível em: https://tj-sp.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/598336847/10017651820168260587-sp-1001765-1820168260587/inteiro-teor-598336867

Informações relacionadas

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul
Jurisprudênciahá 10 meses

Tribunal de Justiça do Rio Grande do Sul TJ-RS - Apelação Cível: AC 0028759-32.2021.8.21.7000 RS

Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região
Jurisprudênciahá 10 meses

Tribunal Regional do Trabalho da 11ª Região TRT-11: 00001673420205110018

Tribunal de Justiça de São Paulo
Jurisprudênciahá 9 meses

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Apelação Cível: AC 1024783-50.2018.8.26.0053 SP 1024783-50.2018.8.26.0053

Tribunal de Justiça de São Paulo
Jurisprudênciahá 4 anos

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Apelação: APL 1003322-06.2016.8.26.0081 SP 1003322-06.2016.8.26.0081

Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região
Jurisprudênciahá 3 anos

Tribunal Regional do Trabalho da 4ª Região TRT-4 - Recurso Ordinário Trabalhista: ROT 0021256-77.2017.5.04.0030