jusbrasil.com.br
28 de Junho de 2022
  • 2º Grau
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Agravo de Instrumento: AI 030XXXX-34.2011.8.26.0000 SP 030XXXX-34.2011.8.26.0000

Tribunal de Justiça de São Paulo
há 10 anos

Detalhes da Jurisprudência

Órgão Julgador

3ª Câmara de Direito Privado

Publicação

04/10/2012

Julgamento

2 de Outubro de 2012

Relator

Carlos Alberto Garbi

Documentos anexos

Inteiro TeorTJ-SP_AI_03077933420118260000_43ca6.pdf
Entre no Jusbrasil para imprimir o conteúdo do Jusbrasil

Acesse: https://www.jusbrasil.com.br/cadastro

Ementa

AGRAVO DE INSTRUMENTO. JULGAMENTO. AGRAVO REGIMENTAL PREJUDICADO. AGRAVO DE INSTRUMENTO. BEM DE FAMÍLIA. IMPENHORABILIDADE QUE PODE SER ALEGADA A QUALQUER TEMPO. RECONHECIMENTO ACERTADO. MANUTENÇÃO DA DECISÃO.

1. A alegação de impenhorabilidade do bem por se tratar de imóvel de residência da família pode ser feita a qualquer tempo e fase do processo, até a extinção da execução. Matéria de ordem pública, de cunho constitucional, que não sofre os efeitos da preclusão.
2. Bem de família. Ausência de impugnação. O agravante não impugnou a natureza familiar do imóvel penhorado. Decisão mantida. Recurso não provido. Agravo regimental contra indeferimento da antecipação da tutela prejudicado pelo julgamento do recurso.
Disponível em: https://tj-sp.jusbrasil.com.br/jurisprudencia/907806862/agravo-de-instrumento-ai-3077933420118260000-sp-0307793-3420118260000

Informações relacionadas

Lais Helena da Silva, Advogado
Modeloshá 7 anos

Petição arguindo impenhorabilidade único imóvel do executado

Marcela Bragaia, Advogado
Modelosano passado

Exceção de pré-executividade - Impenhorabilidade do Bem de Família

Tribunal de Justiça de São Paulo
Jurisprudênciahá 10 anos

Tribunal de Justiça de São Paulo TJ-SP - Agravo de Instrumento: AI 030XXXX-34.2011.8.26.0000 SP 030XXXX-34.2011.8.26.0000

Tribunal Superior do Trabalho
Jurisprudênciahá 4 meses

Tribunal Superior do Trabalho TST: Ag 32500-11.2005.5.18.0102

Superior Tribunal de Justiça
Jurisprudênciahá 9 anos

Superior Tribunal de Justiça STJ - RECURSO ESPECIAL: REsp 1215403 RS 2010/0185408-5